Novo salário mínimo e piso estadual SC

Novo salário mínimo e piso estadual SC

Desde 01/01/2016 passou a vigorar o novo salário mínimo nacional, no valor de R$ 880,00, reajuste de 11,68%.

O Piso Estadual foi aprovado em 20/04/2016 pela Assembleia Legislativa do Estado SC, Lei Complementar 673/2016. O reajuste foi de 11,08% retroativo a 01/01/2016:

1ª Faixa / Valor: R$ 1.009,00

Categorias:
Na agricultura e na pecuária;
nas indústrias extrativas e beneficiamento;
em empresas de pesca e aquicultura;
empregados domésticos;
nas indústrias da construção civil;
nas indústrias de instrumentos musicais e brinquedos;
em estabelecimentos hípicos;
e empregados motociclistas, motoboys, e do transporte em geral, excetuando-se os motoristas.

2ª Faixa / Valor: R$ 1.048,00

Categorias:
Nas indústrias do vestuário e calçado;
nas indústrias de fiação e tecelagem;
nas indústrias de artefatos de couro;
nas indústrias do papel, papelão e cortiça;
em empresas distribuidoras e vendedoras de jornais e revistas e empregados em bancas, vendedores ambulantes de jornais e revistas;
empregados da administração das empresas proprietárias de jornais e revistas;
empregados em empresas de comunicações e telemarketing;
e nas indústrias do mobiliário.

3ª Faixa / Valor: R$ 1.104,00

Categorias:
Nas indústrias químicas e farmacêuticas;
nas indústrias cinematográficas;
nas indústrias da alimentação;
empregados no comércio em geral;
e empregados de agentes autônomos do comércio.

4ª Faixa / Valor: R$ 1.158,00

Categorias:
Nas indústrias metalúrgicas, mecânicas e de material elétrico;
nas indústrias gráficas;
nas indústrias de vidros, cristais, espelhos, cerâmica de louça e porcelana;
nas indústrias de artefatos de borracha;
em empresas de seguros privados e capitalização e de agentes autônomos de seguros privados e de crédito;
em edifícios e condomínios residenciais, comerciais e similares, em turismo e hospitalidade;
nas indústrias de joalheria e lapidação de pedras preciosas;
auxiliares em administração escolar (empregados de estabelecimentos de ensino);
empregados em estabelecimento de cultura; empregados em processamento de dados;
empregados em estabelecimentos de serviços de saúde;
e empregados motoristas do transporte em geral.

Maiores informações entre em contato conosco.

Voltar